Vereadores concordam em “devolver” R$ 1 milhão para prefeitura

MT

Além da baixa no orçamento os parlamentares de Lucas do Rio Verde definiram outras medidas para conter despesas. Presidente disse que a Casa pretende abrir mão de outros R$ 400 mil.

Em resposta ao pedido do prefeito Marino Franz, que ontem (19) pediu a colaboração dos vereadores para evitar que as contas municipais fechem no vermelho, o presidente da Câmara Municipal de Lucas do Rio Verde (356km de Cuiabá), vereador Airton Callai (PSB), anunciou hoje (20) que a Casa abre mão de R$ 1 milhão do orçamento previsto para este ano. Além desta foram anunciadas outras medidas para conter gastos.

A decisão, segundo Callai, faz parte de um combinado com a administração municipal em 2009 e foi tomada por unanimidade durante uma reunião entre os parlamentares ontem à noite. “Definimos também entrar na contenção de gastos. Isso é um combinado que nos tínhamos desde setembro do ano passado e a Câmara vai cumprir. Os vereadores tem a palavra e vão retirar do orçamento R$ 1 milhão para que a prefeitura aplique na área de educação, saúde e  segurança”, explicou o vereador em entrevista coletiva.

A restrição do uso de ar condicionado no período da manhã, a redução nas diárias dos vereadores e a diminuição dos eventos realizados no auditório (80% deles da organizados pela própria prefeitura, segundo Callai) são outras medidas adotadas pela Casa para conter despesas.

Callai ressaltou ainda que dos R$ 105 milhões previstos para a prefeitura a Câmara ficará com menos de 2,5% e que pretende devolver mais R$ 300 ou R$ 400 mil para a administração municipal. “Nós estamos muito conscientes do dever dos vereadores. Estamos atentos, não vamos nos omitir nem deixar de cumprir nosso dever constitucional”, asseverou o presidente.

Fonte: Expresso MT

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *