Reação popular leva Garibaldi a baixar o tom e Arlindo Chinaglia aproveita para justificar posicionamento da Câmara.

Brasil

A polêmica acerca da PEC que aumenta o número de vereadores parece estar perdendo força, pelo menos se depender do tom apresentado pelo Presidente do Senado, Garibaldi Alves: “Eu penso até que a reação da opinião pública nos leva a refletir sobre o que realmente foi decidido”. Além disto, o recesso do judiciário lança para o próximo ano a apreciação do Mandado de Segurança impetrado pelo Senado contra a decisão da Câmara em não promulgar a PEC aprovada.

Já o presidente da Câmara dos Deputados, Arlindo Chinaglia, afirmou que a reação popular era previsível e aproveitou a oportunidade para justificar o posicionamento da mesa da Câmara: “… na nossa interpretação não há como promulgar uma matéria deixando aquela que tem interdependência de fora…”, referindo à redução dos gastos com as Câmaras Municipais que não foi aprovada pelo Senado.

Acesse o vídeo da Globo.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *